Preparação dos Manuscritos

Preparação dos Manuscritos (template)

Todos os manuscritos devem ser redigidos em inglês ou português e submetidos em formato Microsoft Word utilizando apenas o template (CLIQUE AQUI) da Revista. Os manuscritos devem ser escritos seguindo as orientações abaixo.

Por favor, observe os seguintes pontos na preparação dos manuscritos. Artigos que não cumpram estritamente com estas instruções podem ser devolvidos aos seus autores para revisão apropriada ou podem atrasar o processo de revisão.

LEGIBILIDADE: Os manuscritos devem ser escritos em inglês claro, conciso e gramaticalmente correto (inglês americano). Para os artigos em Português, devem ser escritos seguindo a norma culta e gramaticalmente corretos. Os editores não podem realizar revisões em massa de artigos mal escritos. Todo artigo deve estar livre de jargões desnecessários e legível por qualquer especialista na área relacionada. O Resumo deve ser redigido em um formato estruturado que seja compreensível para leitores que não são especialistas no assunto.

PROVA DE REVISÃO: Por favor, revise cuidadosamente os erros e inconsistências no tocante ao seguinte: ortografia (especialmente de terminologia científica, nomes próprios e palavras estrangeiras), notação matemática, valores numéricos em tabelas e texto e exatidão das citações. O Journal irá avaliar o arquivo procurando questões gramaticais, correção, clareza e erros de engajamento para ambas as línguas (português e inglês). Haverá uma tolerância de até 100 erros em todos os manuscritos. Caso mais erros sejam encontrados, os editores permitirão que os autores reenviem após melhorias e, caso os erros persistam, será cobrada uma taxa de revisão.

FORMATO GERAL: O trabalho completo deverá ser redigido em português ou inglês e submetido em documento Word utilizando apenas o modelo da Revista. Tamanho da página: A4; espaçamento entre linhas: simples; tipo de fonte: Arial. Por favor, deixe os cabeçalhos e rodapés inalterados, pois os editores irão preenchê-los. Verifique as diretrizes para obter informações precisas com base em todas as categorias diferentes. Um arquivo único com a íntegra do manuscrito deverá então ser submetido através do e-mail oficial do Periódico Tchê Química (journal.tq@gmail.com) juntamente com a CARTA DE APRESENTAÇÃO. A Revista não aceita mais submissões em outra forma que não por E-MAIL (journal.tq@gmail.com).

FORMATO INICIAL DE SUBMISSÃO: Título, Autor (es), Resumo (máximo de 300 palavras), Palavras-chave (pelo menos 3, máximo 5), Texto principal (Introdução, Revisão da Literatura, Definições (se houver), Materiais e Métodos ou Metodologia, ou Desenvolvimento, Resultados e Discussão, Conclusões ou Considerações Finais), Agradecimentos (se houver), Referências, Apêndice (se houver). Esta estrutura do texto principal não é obrigatória, mas o artigo deve ser apresentado de forma lógica. As notas de rodapé devem ser evitadas. O texto principal deve ser escrito em fonte tamanho 11, justificar. Em cada seção principal, três níveis de subtítulos estão disponíveis, e os títulos devem estar em negrito, negrito e itálico e itálico, respectivamente. O manuscrito deve conter todo o texto, figuras, tabelas e explicações. Para mais detalhes, consulte o template da Revista.

A primeira página do material deverá estar em conformidade com as seguintes regras:

TÍTULO: PORTUGUÊS, INGLÊS e a terceira língua se a língua materna do autor não for o inglês ou o português. Os editores podem fornecer o título em português para aqueles cujo português não seja a primeira língua. Deve ser breve e informativo. O título deve refletir aspectos essenciais do artigo, de forma preferencialmente concisa, com, no máximo 100 caracteres e espaços: fonte tamanho 12, maiúsculas, alinhamento ao centro.

BY-LINE: Nomes (tamanho 12, Arial, minúscula) dos autores. Não é necessária a inclusão de títulos científicos. No caso de dois ou mais autores, coloque seus nomes na mesma linha, separe-os com ponto e vírgula (;) e indique o autor correspondente com * em sobrescrito. O autor para correspondência deve ser aquele que está enviando o artigo online e um e-mail (apenas um e-mail) abaixo dos endereços de todos os autores. Autores de instituições diferentes devem ser rotulados com números sobrescritos após os nomes. A afiliação dos autores também deve ser informada (tamanho 10).

RESUMO: PORTUGUÊS, INGLÊS e uma terceira língua se a língua materna do autor não for o inglês ou o português. Os editores podem fornecer o título em português para aqueles cujo português não seja a primeira língua. Obrigatório para todos os manuscritos nos quais o tema, os principais resultados e as conclusões são resumidos. O resumo deve escrito na forma estruturada e limitado a 300 palavras. Não deve conter fórmulas, referências ou abreviações. O nome RESUMO deve ser escrito em letras maiúsculas, Arial, corpo 12, negrito, alinhamento à esquerda. O Resumo deve ser escrito em fonte Arial, tamanho 10, justificar.

PALAVRAS-CHAVE: PORTUGUÊS, INGLÊS e um terceiro idioma se a língua materna do autor não for o inglês ou o português. Os editores podem fornecer o título em português para aqueles cujo português não seja a primeira língua. Os autores devem fornecer palavras-chave adequadas e curtas que encapsulem os principais tópicos do artigo. O número máximo de palavras-chave é 5, sem incluir os itens que aparecem no título. As palavras-chave devem ser fornecidas indicando o escopo do trabalho. Tamanho 10, itálico, justificado, somente a palavra Palavras-chave deve estar em negrito, alinhamento à esquerda.

Os autores devem incluir abreviações e listas de nomenclatura quando necessário.

A parte do texto principal do material deverá estar em conformidade com as seguintes regras:

As palavras Introdução, Revisão da Literatura, Definições (se houver), Materiais e Métodos ou Metodologia, ou Desenvolvimento, Resultados e Discussão, Conclusões ou Considerações Finais, devem ser escritas em letras maiúsculas, Arial, fonte tamanho 12, alinhamento à esquerda, negrito .

INTRODUÇÃO: A introdução deve indicar claramente o problema, a razão para fazer o trabalho, as hipóteses ou previsões teóricas em consideração e os fundamentos essenciais. Não deve conter equações ou notação matemática. Um breve levantamento da literatura relevante para que um leitor não especialista possa compreender o significado dos resultados apresentados. Idealmente, uma boa introdução deve ter de 3 a 5 parágrafos bem explicados e deve terminar indicando o objetivo do estudo.

MATERIAIS E MÉTODOS OU METODOLOGIA OU DESENVOLVIMENTO: Forneça detalhes suficientes para o leitor entender como o estudo foi realizado. A descrição técnica dos métodos deve ser fornecida quando tais métodos forem novos. Geralmente, é recomendado que os materiais e métodos sejam escritos no pretérito, de preferência na voz passiva. Nesta seção, a aprovação ética, datas do estudo, número de sujeitos, grupos, critérios de avaliação, critérios de exclusão e métodos estatísticos devem ser descritos sequencialmente. As seguintes questões devem ser absolutamente fornecidas: as datas de início e término do período de estudo; número de sujeitos / pacientes / animais experimentais inscritos no estudo; foi obtida a aprovação do comitê de ética? Desenho do estudo (prospectivo, retrospectivo ou outro); ainda, características adicionais do desenho do estudo (transversal) devem ser indicadas. Além disso, outros tipos de desenhos de estudo (randomizado, duplo-cego, controlado por placebo ou duplo-cego, controle paralelo) devem ser revelados. Antes de terminar seu manuscrito, faça a si mesmo as seguintes perguntas sobre sua seção de Materiais e Métodos para garantir que você incluiu todas as informações importantes. Há detalhes suficientes para que os experimentos possam ser reproduzidos? Há informações em excesso que poderiam ser removidas sem afetar a interpretação dos resultados? Todos os controles apropriados são mencionados? Todas as citações apropriadas estão incluídas? A origem de cada reagente está listada? A seção de Materiais e Métodos é um componente vital de qualquer manuscrito. Esta seção do artigo fornece um relato detalhado do procedimento que foi seguido na conclusão do (s) experimento (s) discutido (s) no artigo. Tal relato é muito importante não apenas para que o leitor tenha uma compreensão clara do experimento, mas uma seção de Materiais e Métodos bem escrita também serve como um conjunto de instruções para qualquer pessoa que deseje replicar o estudo no futuro. Considerando a importância dos "resultados reproduzíveis" na ciência, é muito relevante por que essa segunda aplicação é tão vital. Algumas regras gerais para as seções de Métodos são:



Fontes
https://www.ref-n-write.com/trial/research-paper-example-writing-results-discussion-section-academic-phrasebank-vocabulary/
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4548564/

RESULTADOS E DISCUSSÃO OU ACHADOS: Os resultados devem ser apresentados de forma concisa. Além disso, aponte o significado dos resultados e coloque-os no contexto de outro trabalho e base teórica. Os resultados e as seções de discussão são uma das seções desafiadoras para escrever. É importante planejar esta seção com cuidado, pois ela pode conter uma grande quantidade de dados científicos que precisam ser apresentados de forma clara e concisa. O objetivo da seção Resultados é apresentar os principais resultados de sua pesquisa. Os resultados e as discussões podem ser combinados em uma seção ou organizados como seções separadas. Use subseções e subtítulos para melhorar a legibilidade e a clareza. Numere todas as tabelas e figuras com títulos descritivos. Apresente seus resultados como figuras e tabelas e indique ao leitor itens relevantes ao discutir os resultados. Esta seção deve destacar achados significativos ou interessantes, juntamente com os valores de P para testes estatísticos. Certifique-se de incluir resultados negativos e destacar as limitações potenciais do artigo. A seção de resultados e discussão de seu artigo de pesquisa deve incluir o seguinte: Resultados; Comparação com estudos anteriores; Limitações do seu trabalho; Argumentos casuais; Especulações; Argumentos dedutivos.

Fontes:
https://www.ref-n-write.com/trial/research-paper-example-writing-results-discussion-section-academic-phrasebank-vocabulary/
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4548564/

CONCLUSÃO: Resuma os dados discutidos na seção Resultados e Discussão ou Achados mostrando a relevância do trabalho e o quão diferente ele é de outras pesquisas. Além disso, aponte os benefícios e melhorias que podem ser observados no desenvolvimento de novos padrões científicos que podem mudar algo no campo relacionado.

AGRADECIMENTOS: (se houver) Devem ser colocados em parágrafo separado no final do texto, imediatamente antes da lista de referências. Pode incluir informações de financiamento também.

REFERÊNCIAS: As referências devem ser citadas no texto utilizando o sistema de nomes e anos (Autor, ano) (FORMATO APA). Alternativamente, o sobrenome do autor pode ser integrado ao texto, seguido do ano de publicação entre parênteses. Exemplos: As pastagens são consideradas áreas de forrageamento importantes para muitos insetívoros na Europa, como pássaros (Vichery, 2001; Barnet et al., 2004), morcegos (Guttinger, 1997) ou anfíbios e répteis (Langton e Burton, 1997). No entanto, o conhecimento da disponibilidade geral de artrópodes nessas pastagens é escasso, uma vez que muitos estudos sobre populações de insetos se concentram em pastagens extensas em solos pobres, secos ou úmidos incluem apenas algumas espécies ou grupos sistemáticos (Ellgsen et al., 1997; Gibson et al. ., 1992; Hansel e Plachter, 2004; Manhart et al., 2004; Kruess e Tscharntke, 2002a, b; Wingerden et al., 1992; Sjodin, 2007a, b; Perner et al., 2005). O dióxido de carbono produzido pela combustão do biodiesel pode ser reciclado pela fotossíntese, minimizando assim o impacto da combustão do biodiesel no efeito estufa (Korbitz, 1999; Agarwal e Das, 2001).

Cite apenas fontes essenciais, evite citar material não publicado. Referências a artigos "no prelo" devem significar que o artigo foi aceito para publicação. A lista de referências deverá estar em ordem alfabética pelo sobrenome do primeiro autor. Por favor, liste apenas as referências que são citadas no texto e prepare esta lista como uma lista numerada automaticamente. A palavra Referências com tamanho 12, negrito, letras maiúsculas, alinhamento à esquerda.

Referências 

O Journal usa o formato de citação da APA (American Psychological Association)

REGRA GERAL PARA TRABALHOS ACADÊMICOS:

Sobrenome do autor, inicial (is). Ano de publicação após o nome dos autores (entre parênteses). Título do artigo. Nome da revista em itálico, número da edição também em itálico, volume entre parênteses e finalmente página inicial e final e, se for o caso, obtido em (qual site) ou DOI

Exemplos:

1. Nikolaeva, L.P., Cherdantsev DV., Titiv K.S. (2017). Characteristics of bone marrow stem cells in patients with complicated diabetes mellitus. The Russian biotherapeutic journal, 16(1): 47-50.
2. Mitchell, J.A. (2017). Citation: Why is it so important. Mendeley Journal, 67(2), 81-95. Retrieved from https://www.mendeley.com/reference-management/reference-manager
3. Karthiga, N., Rajendran, S., Prabhakar, P., Rathish, R.J. (2015). Corrosion inhibition by plant extracts - An overview. Int. J. Nano. Corr. Sci. Eng, 2(4):31-49.
4. Akbulut, S., and Bayramoglu, M.M. (2013). The Trade and Use of Some Medical and Aromatic Herbs in Turkey. Ethno Med, 7(2): 67-77.
Para tipos de referências diferentes dos artigos científicos, a Revista recomenda visitar os sites abaixo para informações mais detalhadas.

<https://www.mendeley.com/guides/apa-citation-guide>
<https://libguides.murdoch.edu.au/APA6/all>
<https://aut.ac.nz.libguides.com/APA6th/referencelist>

Figuras: O número de figuras (incluindo gráficos e diagramas) não deve ser superior a 15 e devem ser enviadas nos formatos JPEG ou PNG. Todas as imagens, gráficos e diagramas devem ser numerados consecutivamente (por exemplo, Figura 1, Figura 2, Figura 3, ...) na ordem em que são mencionados no texto. A legenda deve aparecer abaixo da figura (tamanho 11, negrito, itálico) e deve ser suficientemente detalhada para que possa ser entendida à parte do texto. A explicação de letras e símbolos também deve ser dada na legenda e apenas excepcionalmente nas figuras. As figuras devem ser de boa qualidade. As figuras digitalizadas devem ter uma resolução de 800 dpi / bitmap para gráficos de linha. Os diagramas contendo estruturas químicas devem ser de alta qualidade gráfica e sempre do mesmo tamanho, para que possam ser reduzidos uniformemente. As figuras devem ter largura máxima de uma coluna da Revista (8,5 cm) para serem inseridas no corpo do texto e serem aplicadas aos padrões de formatação da Revista. Se as figuras ultrapassarem 8,5 cm, elas serão colocadas no final do artigo. Além disso, os autores podem ser solicitados a enviar cada figura como um arquivo de imagem em um dos seguintes formatos: jpeg ou png. Para fotos, gráficos, diagramas e tabelas idênticos a materiais já publicados na literatura, os autores devem solicitar autorização para publicação das empresas ou sociedades científicas detentoras dos direitos autorais e encaminhá-los aos editores da Periódico Tchê Química juntamente com a forma final do manuscrito.

Fonte: adaptado de https://www.jahjournal.org/contributors.asp

Tabelas:
As tabelas devem ser autoexplicativas e não devem duplicar o material textual. Devem ser citadas no texto, numeradas consecutivamente (por exemplo, Tabela 1, Tabela 2, Tabela 3, ....) e acompanhadas de um título no topo (tamanho 11, negrito, itálico). Insira todas as tabelas no texto e não inclua tabelas grandes que não caibam nas margens da página. Outras considerações importantes.



Fonte: adaptado de https://www.jahjournal.org/contributors.asp

Expressões matemáticas:
Em geral, minimize os requisitos tipográficos incomuns. Evite equações longas que ocupem várias linhas (possivelmente definindo os termos da equação em monitores separados). Para desenhar equações, use o Editor de Equações do Word, se possível. Torne os subscritos e sobrescritos claros. Exiba apenas as expressões matemáticas que devem ser numeradas para referência posterior ou que precisam ser enfatizadas. As equações apresentadas devem ser numeradas consecutivamente ao longo do artigo. Os números devem ser colocados entre parênteses à direita da equação, por ex. (Eq. 1).

Material suplementar:
Qualquer material suplementar (figuras extras, tabelas, diagramas, apêndice, lista de abreviações) deve ser colocado no final do manuscrito e indicado como tal. Todo material suplementar também deve ser citado no texto.

Os editores, a qualquer momento do processo de edição, podem solicitar aos autores a cisão de parte do manuscrito, apresentando-o como material complementar.